BLOG

dr_charles_oliveira_outubro_rosa_dor_do_cancer

Outubro Rosa no Mundo sem Dor

Todo este mês a cor rosa é destaque; o simples sinal de alerta do laço cor de rosa transmite o espírito da campanha mundial sobre o câncer de mama.

Para se ter uma ideia da gravidade, seriedade e amplitude do câncer de mama, uma em cada 10 mulheres é acometida pela doença em todo o mundo. São 1 milhão e 600 mil casos novos/ano.¹  Mas quando diagnosticado e tratado precocemente, a sobrevida maior que 5 anos ocorre em 99% das vezes.

Alerta para o diagnóstico

A multiplicação desordenada das células cancerígenas e disseminação sanguínea apresenta riscos de proliferação por outras regiões do corpo, sendo osso, pulmão, figado e cérebro os órgãos mais acometidos por essas metástases.²

Antes dos 35 anos o câncer de mama é raro, no entanto, após esta idade, sua incidência é gradativa.

Um dos apelos centrais da campanha Outubro Rosa é lembrar as mulheres, principalmente aquelas acima dos 40 anos, a fazer exames preventivos, pois, as chances de cura quando o diagnóstico é feito na fase inicial é de até 95%, segundo o Instituto Nacional do Câncer.

O assunto de quando realizar esse rastreamento não gera consenso. A mamografia, por se tratar de um exame com radiação ionizante, também pode gerar problemas de saúde. Alguns grupos defendem este rastreamento em mulheres entre 50-69 anos sendo que mulheres entre 40 e 49 anos deveriam ser submetidas a exames clínicos anuais. Já nos grupos populacionais com risco elevado de desenvolver câncer essas devem ser submetidas a mamografia anual a partir dos 35 anos.³

Para outros, a sugestão de realizar o exame de mamografia deve-se ao fato de ser difícil reconhecer um nódulo menor que 1 centímetro pela palpação.

Por ser um método não invasivo, sem qualquer radiação e sem contra-indicações, a termografia pode auxiliar na identificação de tumores de mama, ao demonstrar diferenças de temperatura entre uma mama e outra, sendo um exame sem radiação ionizante. Porém, para firmar o diagnóstico, lembro que a mamografia é imprescindível juntamente com o estudo microscópico do material, após biópsia.

>>Conheça a História do Outubro Rosa 

Iniciadas no Brasil em outubro de 2002, as campanhas ligadas ao Outubro Rosa tem o objetivo de promover a educação para o diagnóstico precoce e difundir formas de tratamento e cura do câncer de mama. O Congresso Nacional, empresas privadas, a exemplo da Azul Companhia Aérea, além de órgãos de relevância nacional, incluindo o Conselho Nacional de Justiça – CNJ e monumentos, como o Obelisco do Ibirapuera, em São Paulo, dão força à campanha para chamar a atenção do público para a importância do diagnóstico precoce da doença em todo o país.

Ao longo da sua história o blog Mundo Sem Dor aborda o controle das dores do câncer, incluindo o de Mama, com objetivo de restaurar qualidade de vida em qualquer momento do curso da doença.

>>Bombas de Infusão

Nosso enfoque, até então é relativo a fornecer informações sobre tratamentos de dor, respeitando a escada de tratamento de dor da OMS (Organização Mundial da Saúde) e somado a procedimentos intervencionistas para controle da dor quando indicado.

Desta maneira, somamos força no movimento Outubro Rosa.

 

Fontes:

¹ Breast Cancer: Basic and Clinical Research 2015:9(S1) Targeting Breast Cancer Metastasis Supplementary Issue: Breast Cancer Detection and Screening Xin Jin1,2 and Ping Mu3

² Breast Cancer: Basic and Clinical Research 2015:9(S1) Targeting Breast Cancer Metastasis Supplementary Issue: Breast Cancer Detection and Screening Xin Jin1,2 and Ping Mu3

³ http://www.observatoriodegenero.gov.br/menu/noticias/instituto-nacional-do-cancer-explica-lei-da-mamografia/

JÁ VIU?